Respondemos você

P: Boa Tarde, Marcela! Adorei o Blog. Marcela, lendo as perguntas e respostas, deparei com a minha situação. Sinto que falta algo em mim para dá um up grade em minha vida, sinto um pouco perdida na minha vida, sei que é preciso ter auto estima e acreditar em mim mesma, porém, como que eu ponho em pratica essas coisas? Mesmo sabendo disso, parece que o cérebro não obedece. O que faço?

 R: A autoestima é um recurso muito importante na busca por uma vida mais feliz.  A sua percepção em relação a si mesma é coerente e esse é o primeiro passo de muitos, é preciso caminhar um pouco mais para melhorar a autoestima na prática. O histórico de construção da identidade é muito importante nesse sentido, apesar de não ser determinante.

O que quero dizer é que quando crianças muitas vezes somos criticados na nossa forma de ser, ouvimos muitos nãos e que precisamos nos adequar ao padrão, sermos pessoas mais calmas, mais esforçadas, mais capazes, mais responsáveis, etc. Quando isso acontece em desequilíbrio há o risco de acreditarmos e internalizarmos uma crença:  não é bom ser quem realmente eu sou. À medida que vamos crescendo isso pode levar a um afastamento de si mesmo, uma espécie de auto desqualificação frequente, nos julgamos não capazes de darmos conta dos desafios e superá-los, não acreditamos na nossa capacidade e a autoestima é muito prejudicada.

Felizmente isso não é determinante nem definitivo, se perceber incapaz não é a verdade sobre si mesmo, muitas vezes não percebemos claramente nossas fraquezas e potencialidades com equilíbrio, acabamos pesando mais para um lado do que para outro. Para mudar essa autopercepção e reconstruir uma identidade mais coerente e positiva é importantíssimo o caminho do auto conhecimento. Mesmo que se tenha consciência do que é preciso mudar, praticar é um outro processo, pois para desconstruir uma crença é necessário tempo, vontade e o olhar voltado para si mesmo. A terapia é bastante indicada nessa situação, sozinhos caminhamos até um ponto, mas para a transformação acontecer é necessário a ajuda de um profissional olhando na nossa direção e nos auxiliando no caminho para nos percebermos melhor, nos aceitarmos e nos fortalecermos.

Marcela

Anúncios
Esse post foi publicado em autoestima, felicidade, Psicologia, Terapia e marcado , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s